Idoso Bem Cuidado: Projeto integra dados eletrônicos da Saúde

March 20, 2017

APM é parceira na iniciativa da ANS que racionaliza os gastos e otimiza o tratamento de pacientes por meio da unificação dos dados em uma plataforma digital, com nível de segurança da informação similar a dos bancos

 

Visando promover um cuidado totalmente integrado e com maior resolubilidade – por meio do compartilhamento de dados entre os profissionais da Saúde – que permite otimizar os custos de saúde e racionalizar o fluxo de atendimento, a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), em parceria com a Associação Paulista de Medicina, prepara o lançamento do projeto Idoso Bem Cuidado, que começou a ser discutido em abril de 2016. Trata-se da centralização das principais informações de saúde dos idosos em um sistema eletrônico que facilita o acesso de profissionais em toda a rede privada, com segurança máxima e permissão do paciente.   

 

“Sabemos que o idoso é um tipo de beneficiário que consome muitos recursos da Saúde, com histórico médico em geral muito grande e que, geralmente, está desorganizado. O paciente eventualmente passa por diversos especialistas, porém, muitas vezes, eles não conversam nem compartilham informações. Em outros casos, o médico precisa de uma informação específica de um exame que o idoso não levou para a consulta, por exemplo. Ou seja, quando não se tem toda a relação de dados, o prejudicado pode ser o próprio usuário, que não terá o tratamento completo, com a rapidez adequada”, explica o diretor de Tecnologia de Informação da APM, Antônio Carlos Endrigo.

 

No programa Idoso Bem Cuidado, cabe à Associação Paulista de Medicina desenvolver o portal e o aplicativo com as informações mínimas de saúde do idoso e sensibilizar os médicos sobre a importância de utilização do registro eletrônico compartilhado.

 

“O médico tem uma resistência grande em dividir informações, e com razão, porque ele lida com dados sensíveis dos pacientes. Entretanto, hoje há sistemas de informação com softwares altamente seguros. E o próprio paciente, nesse caso o idoso, definirá quais os profissionais que poderão ter acesso às informações e a qual conteúdo”, reitera Endrigo.

 

O Conselho Federal de Medicina, em parceria com a Sociedade Brasileira de Informática em Saúde (SBIS), publicou uma resolução normativa que certifica os softwares que adotam todos os requisitos necessários de segurança.

 

Parceria e piloto

A preocupação com a inovação tecnológica, a estreita relação com seus associados e o empenho da APM em participar dos projetos da ANS – sendo uma das intuições mais presentes nos grupos de discussões promovidos pela Agência – foram decisivos, segundo o diretor de TI, para a parceria nessa iniciativa.

 

A Associação Paulista de Medicina assinou um termo de compromisso com o órgão regulador comprometendo-se a organizar um grupo de trabalho com empresas vinculadas ao ramo da tecnologia para o desenvolvimento do ambiente tecnológico. Na plataforma, estarão todas as informações do paciente que poderão ser compartilhadas entre serviços médicos, hospitais, laboratórios e outros profissionais da Saúde. Acredita-se que mais de mil idosos participarão dos testes, número suficiente para análise.

 

A ideia é que, no momento de espera da consulta, o paciente receba um comunicado por celular via SMS pedindo autorização para que haja transferência de suas informações para o outro especialista médico ou demais profissionais da Saúde. Se disser sim, automaticamente os dados resumidos de consultas anteriores vão para o prontuário do especialista.

 

Ao todo, 100 instituições se inscreveram para participar voluntariamente do projeto piloto para implementação do modelo de atendimento. Dessas, a ANS selecionou 50 operadoras e 14 prestadores de serviços em todo o País, cujas propostas são focadas, sobretudo, na atenção básica e no atendimento primário do idoso. A conclusão do piloto está prevista até o começo do próximo semestre.

O Idoso Bem Cuidado se baseia em projetos bem-sucedidos como o ‘Parto adequado’, implantado em 2015, uma iniciativa conjunta entre ANS, Hospital Albert Einstein e Institute for Healthcare Improvement, com apoio do Ministério da Saúde, que favoreceu a redução de cesarianas sem indicação clínica ou possíveis casos adversos. A Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa e o Portal de Saúde do Cidadão, ambos do Sistema Único de Saúde, também serviram de inspiração.

O futuro almejado é unificar as plataformas pública e particular de informação, segundo o diretor de TI, e estender para outras áreas de atendimento, como a pediatria etc.

 

WORKSHOP SAÚDE DIGITAL: SEGURANÇA DE DADOS

No dia 28 de abril, a Associação Paulista de Medicina promove um evento com a presença de renomados especialistas na área de segurança da informação, atuantes em empresas de tecnologia e de consultoria, além de representantes do segmento de certificados digitais e advogados especializados no meio tecnológico.

Eles apresentarão suas respectivas experiências e casos para desmitificar a insegurança que o médico tem hoje sobre sigilo de dados dos pacientes. Aguarde mais informações nos veículos de comunicação da APM em breve.

 

8h30 - Abertura 

Dr. Florisval Menião Presidente da Associação Paulista de Medicina 

9h10

Apresentação dos Projetos RES (Registro Eletrônico de Saúde ) e Idoso Bem Cuidado
Palestrantes:  Dr. Antonio Carlos Endrigo - Diretor de Tecnologia da Informação da Associação Paulista de Medicina; Martha Oliveira – Diretora de Desenvolvimento Setorial da Associação Nacional de Saúde (ANS)

 

9h25

Debate

 

9h30 – 10h25

Painel -  Hackers mais ativos, combate mais efetivo.
Como vem evoluindo a área de segurança de dados do ponto de vista de fornecedores de grandes empresas? A importância da nuvem nesse cenário, como ela pode ser protegida? Quais as garantias que a indústria de segurança pode dar a seus usuários? É mais importante medidas preventivas ou ter soluções de respostas rápidas em caso de ataque? Ramsoware, o que representam?

Palestrantes: Rodrigo Suzuki - Head de Segurança da Informação e Continuidade de Negócios da promonLogicalis; Cristiano Lincoln - CEO Tempest; Marcos de Oliveira - General Manager Blue Coat; Leando Augusto - Sócio KPMG

 

10h20

Debate

 

10h25 – 10h40

Apresentação  Case - Dados sensíveis, como protegê-los?
A experiência de uma instituição financeira com a segurança de dados sensíveis.

Palestrante: Bradesco

 

10h40 Coffe Break 

 

10h55 – 11h50

Painel: Evolução tecnológica, aliada da saúde?
Como as tecnologias mais avançadas de computação cognitiva e de Big Data podem ajudar na análise de um grande volume de dados em pouco tempo e favorecer um diagnóstico mais rápido? Como o compartilhamento dessas informações pode colaborar para uma biblioteca de informações mais rica sobre determinados temas? Como os sensores e wearables podem ajudar no monitoramento dos pacientes e de doenças crônicas? E a Internet das Coisas?

PalestrantesEduardo Cipriani -  Líder de Watson Health no Brasil - IBM; Lincoln Assis de Moura Jr - Equipe de Saúde da Accenture; Marcelo Santos - Cientista da Philips Research e Rildo de Oliveira -  Networking Solutions Architect Manager HPE

 

11h50 – 12h45

Saúde, um ecossistema protegido?
Como está sendo feita a segurança de dados na área da saúde? Quais os pontos importantes que precisam ser levados em consideração em cada caso, dos hospitais aos planos de saúde?

PalestrantesMarco Gutierrez -  CIO do Incor; Ricardo Santoro - CIO do Einstein; Vladimir Ribeiro Pinto Pizzo - Gerente de  Informática Clinica do Hospital Sírio-Libanês e Renato Basto - Gerente de Segurança da informação do Grupo Fleury.

 

12h45 - 13h

O Direito Digital
Palestrante: Renato Opice Blum – Sócio do escritório Opice Blum Advogados Associados e Coordenador do Programa de Direito Digital do Insper

 

13h – 14h30

Almoço preparado por Lorenzo Raviolli, vencedor do MasterChef Júnior Brasil

 

14h30 – 14h45

A importância da certificação digital
Palestrante: Vinicius Vieira de Souza - Sócio fundador da Soluti

 

14h45 – 15h

Portal Projeto Idoso Bem Cuidado na prática
Palestrante: José Tarcísio Feitosa
- Auditor Médico Especialista em Provimento de Saúde e Coordenador Clínico do Registro Eletrônico de Saúde da Unimed Ceará

 

15h –15h20

O futuro digital

Palestrante: Ethevaldo Siqueira – Comentarista Rádio CBN

 * Programação sujeita a alterações.

 

Inscrições gratuitas em http://associacaopaulistamedicina.org.br/atualizacao-medica/eventos/i-workshop-saude-digital-seguranca-de-dados?interna=45

 

Please reload

Destaque

Qualidade do sono pode ajudar no combate ao coronavírus

June 5, 2020

1/10
Please reload

Posts relacionados
Please reload

Arquivo