Cremesp apoiará campanha para prevenção de acidentes causados por distúrbios do sono

January 11, 2017

 

O presidente do Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp), Mauro Aranha, reuniu-se com o presidente da Academia Brasileira de Neurologia (ABN), Gilmar Fernandes do Prado, e com a diretora do Departamento de Medicina do Sono da Associação Brasileira de Medicina do Trânsito (Abramet), Lucila Bizari Fernandes do Prado, para discutir o apoio da instituição a uma campanha permanente de prevenção de acidentes de trânsito causados por distúrbios ou restrição de sono. Com início previsto para o primeiro semestre de 2017, a proposta liderada pela ABN reunirá outras entidades, dentre elas Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), que normatiza as atividades das concessionárias das rodovias paulistas.

 

Estima-se que os distúrbios do sono acometem entre 15 e 27% da população adulta, de acordo com estudos desenvolvidos nos Estados Unidos. A maioria dos casos não é diagnosticada porque as pessoas desconhecem essa condição, deixando de relatar distúrbios em consultas médicas, o que dificulta o tratamento e um melhor conhecimento epidemiológico das doenças.

Entre os impactos dos distúrbios de sono estão os acidentes de trânsito. Segundo Lucila, o sono tem papel importante dentro das causas de acidente de tráfego, entretanto, as estimativas estão subestimadas porque boa parte dos motoristas não admite essa condição, principalmente os condutores profissionais. Além disso, secundariamente aos distúrbios ou restrição de sono, ocorre com frequência o uso nocivo e indevido de psicoestimulantes (por exemplo, o popular “rebite”), o que vem acarretar risco adicional de acidentes graves.

 

De acordo com o presidente da ABN, a campanha de conscientização terá três focos: público em geral, médicos e legisladores. O primeiro será de conscientização sobre os sinais indicativos, prevenção, tratamento e os riscos associados aos distúrbios de sono. O segundo buscará alertar os médicos sobre a importância de diagnosticar e tratar doenças associadas ao sono. A campanha também buscará sensibilizar legisladores para o aperfeiçoamento de normativas e diretrizes que visem a melhor prevenção de acidentes por distúrbios de sono.

 

Para o presidente do Cremesp, a inclusão de algumas questões relacionadas aos distúrbios do sono no momento da anamnese médica auxiliará, não apenas no melhor diagnóstico das doenças, mas, também, na obtenção de dados mais corretos sobre sua epidemiologia.  “Uma campanha que visa reduzir as estatísticas de acidentes de trânsito, um problema importante deste País que causa a morte de pessoas, sofrimento humano, além de ter impacto sobre os custos de saúde, terá todo apoio do Cremesp”, finalizou Aranha.

Please reload

Destaque

Adubação, saúde e meio ambiente: a essência da vida

January 23, 2020

1/10
Please reload

Posts relacionados

January 13, 2020

January 9, 2020

Please reload

Arquivo
Please reload

TAGS