Live SOGESP discute qualidade de vida da mulher no climatério


O climatério é o período de transição entre a fase reprodutiva e a não reprodutiva da mulher. Essa mudança tem impactos diretos na saúde e na qualidade de vida feminina, pois é o momento em que se desenvolvem muitas comorbidades. Por isso, a Associação de Obstetrícia e Ginecologia do Estado de São Paulo (SOGESP) convida todos os tocoginecologistas ao Webinar Climatério de 02 de julho, às 20h.

As fases, os sintomas, a relação com outras doenças e, principalmente, os riscos e benefícios dos tratamentos disponíveis serão os principais assuntos abordados na discussão. De acordo com o palestrante Rodolfo Strufaldi, professor assistente na disciplina de Ginecologia da Faculdade de Medicina do ABC (FMABC), o tema vem sendo foco de contradições nos últimos 15 anos. Tanto médicos quanto pacientes não se sentiram confortáveis em manter a prescrição da terapêutica hormonal, medicação de melhor evidência comprovada na segurança e eficiência no tratamento das manifestações climatéricas.

“Vamos esclarecer muitos aspectos. A sobrevida da população está aumentando e mais mulheres vão entrar na pós-menopausa. É importante discutirmos o que e como os tocoginecologistas devem se comportar nessa fase da vida feminina”, destaca.

O dr. Luiz Francisco Baccaro, palestrante e professor livre-docente do Departamento de Tocoginecologia da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (FCM/UNICAMP), ressalta a necessidade de promoção da saúde das mulheres nessa transição. “É muito importante que o especialista esteja a par das novidades para saber como conduzir e tratar as pacientes a fim de melhorar a qualidade de vida”, pontua.

Para ele, o Webinar é uma excelente forma de garantir essa atualização científica. Em tempos de isolamento social, a ferramenta é uma maneira de manter a troca de conhecimentos e experiências entre os médicos. Outro especialista presente será o dr. Luiz Carlos Sakamoto, médico assistente do Centro de Referência da Saúde da Mulher (Hospital Pérola Byington) de São Paulo. Após o debate, o público terá a chance de realizar suas perguntas através do chat online.

Hoje, a mulher vive 40% da vida no período pós-menopausa. Nessa faixa etária, o tocoginecologista, que muitas vezes já a atende desde a adolescência, busca dar seguimento ao acompanhamento da melhor forma possível.

Associação de Obstetrícia e Ginecologia do Estado de São Paulo (SOGESP)

Data: 02 de julho de 2020

Horário: 20h

Link: https://www.youtube.com/channel/UChyQBcOERIqKq8aROqictYA


0 visualização

(11) 3871-2331 | 3873-6083  

 3562-0088 | 99911-8117

Av. Pompéia, 634

Cj. 401 - São Paulo